Seja uma pessoa alegre o ano inteiro

Seja uma pessoa alegre o ano inteiro

Uma pessoa alegre e otimista tem o poder de tornar sua vida mais leve e mais feliz. Também consegue contaminar para melhor sua família, seus amigos e seu ambiente de trabalho. A verdadeira alegria não é feita de momentos nem das festas que acontecem uma vez a cada ano. É a que nasce dentro de um coração bondoso e de uma mente que cultiva pensamentos positivos. São qualidades que aparecem estampadas no rosto das pessoas que sempre procuram fazer a felicidade dos outros. O mundo seria melhor, mais justo e menos violento se mais pessoas fossem assim.

Em geral, as pessoas otimistas e alegres não deixam transparecer suas dificuldades, suas angústias e ansiedades, inerentes à condição de seres humanos. Elas conseguem encontrar dentro de si uma força especial e sentir em seu coração o poder transformador do amor de Deus. Conseguem se alimentar constantemente da árvore da felicidade plantada em seu coração.

Tenha como meta não ficar um dia sequer sem sorrir, buscando a cada hora, a cada minuto e a cada segundo descobrir o motivo de estar triste e de cara fechada. Se a angústia for causada por um problema de verdade, como uma doença grave, dificuldades em família, incompreensões no trabalho, falta de dinheiro ou desilusões amorosas, o primeiro passo é não se desesperar. O segundo é buscar ajuda e aconselhamento, com uma boa dose de fé e a consciência de que sempre existe uma saída. Saiba que você não é o único a enfrentar tempestades e que o sol, com absoluta certeza, brilha todas as manhãs. Isso o ajudará a se manter sereno e a buscar as melhores soluções.

Todos os dias são preciosos para a construção de uma vida feliz. “Muitas pessoas passam os dias remoendo algum tipo de preocupação ou dor emocional, e o modo como lidam com essas dificuldades afetará sua vida inteira. Em outras palavras, as pessoas que têm um nível mais alto de consciência podem ceifar as preocupações e os sofrimentos com um único golpe”, diz o mestre Ryuho Okawa em A Mente Inabalável. “Se você se dedica ao refinamento espiritual dia após dia e mantém a mente serena, não será afetado demais, não importa o que ocorra. Dessa maneira, conseguirá viver a vida com tranquilidade.”

Um dos caminhos para nos mantermos serenos é estancar os pensamentos negativos e alimentar nossa vida com pensamentos positivos. É como tirar um velho prego de uma tábua, martelando outro reluzente em seu lugar. Outro caminho é a prática diária da meditação. Na reflexão para a busca da paz interior, você se tornará mais forte. “Quando a vida atirar uma pedra no meio do seu lago interior, você terá o poder de acalmar as ondas que se formarem”, afirma o mestre Okawa em outro de seus livros, O Milagre da Meditação, recém-lançado no Brasil. Livrar-se de eventuais mágoas e praticar o perdão são atitudes fundamentais na construção de nossa felicidade.

“O ressentimento é um estado mental que gera muita infelicidade”. Ele afeta o diálogo com as pessoas que nos cercam – em família, no trabalho, na escola, com os amigos. Se você não consegue perdoar ou pedir perdão, inevitavelmente passará horas e até dias de cara amarrada, contaminando o ambiente em que vive e trabalha. Enquanto o sorriso e o otimismo constroem e fazem as pessoas trabalhar com mais entusiasmo e mais produtividade, o ressentimento destrói e envenena as relações humanas.

Por último, e não menos importante do que cultivar a paz interior, é expressá-la num sorriso. É a alegria que nasce das atitudes e ações que fazem os outros felizes. Trabalhar para que outras pessoas superem dificuldades e tenham uma vida digna é acumular um valioso tesouro espiritual. Não negue um favor a quem precisa, não deixe de estender a mão a quem pede ajuda, não recuse uma conversa ou um conselho a quem vive angustiado.

Saia de seu casulo, de sua rotina e dedique parte de seu tempo a ações sociais. Você logo perceberá que ao ajudar na construção da dignidade do outro estará construindo a própria felicidade. Sua alegria será mais profunda e seu sorriso, mais bonito.

Photo by rawpixel.com on Unsplash

Do livro O Milagre da Meditação(IRH Press do Brasil), do mestre Ryuho Okawa, fundador da Happy Science – movimento que apresenta a chave da verdadeira felicidade às pessoas de todos os países, raças e crenças, pregando a criação de um mundo de paz através da inovação espiritual, educacional e política.

Liberte-se e dirija você mesmo sua vida

Liberte-se e dirija você mesmo sua vida

Se você quiser ser bem-sucedido ao longo deste ano, e nos próximos anos, assuma já o volante e oriente sua vida sem permitir que outros decidam o que deve ou não fazer, sem esperar que outros escolham o caminho que deve seguir. Pare e afaste-se do turbilhão de ideias e opiniões dos que, a cada minuto, ou a cada segundo, tentam influenciá-lo com suas mensagens inconsistentes, suas historinhas sem lógica, quando não com mentiras. Os dias passam e você fica navegando sem direção, se alimentando de informações inúteis.

Obviamente, é impossível desconectar-se e isolar-se – não é isso que você deve fazer. Mas é possível desenvolver habilidades para colocar sua vida nos trilhos, sem se pautar com mensagens lançadas ao vento e que, em geral, o afastam da verdade e do divino. Para começar, veja em que fontes de água pura você pode matar sua sede de informações, quais os melhores livros para ler, as pessoas certas para obter orientações, os portais de notícias mais comprometidos com a verdade. “É preciso ter muito cuidado com as ideias que você planta em sua mente, porque elas vão determinar o tom geral de sua vida”, ensina o mestre Ryuho Okawa em seu livro Think BIG (Pense Grande). “As flores que brotam e os frutos que crescem dependem do tipo de sementes que plantamos.”

Os perigos de dispersão são uma contínua ameaça. Somente no Brasil, circulam diariamente pela web ou mídias sociais cerca de 12 milhões de informações falsas. Ao definir o que, em 2018, você pretende alcançar – para sua família, na escola, no trabalho, nos negócios, relacionamentos ou para sua saúde e outras tantas situações – defina uma estratégia e siga em frente, sem perder o rumo. Não deixe que nenhum dia acabe sem ter dado um passo adiante. Não deixe que pessoas estranhas roubem seu tempo. Use-o integralmente para construção de sua felicidade e das pessoas que o cercam ou para o crescimento de sua empresa e desenvolvimento do país.

Esse esforço o tornará mais centrado, aumentará sua produtividade no trabalho, melhorará seu desempenho nos estudos, dará mais credibilidade aos conselhos que dará à família e aos amigos e mais segurança em seus negócios. Na exata medida em que você assumir o volante, sua vida ganhará outra dimensão. Tenha coragem. Comece já. Pense Grande. “Os pensamentos têm poder. Seus pensamentos determinam sua vida. Mas seus pensamentos precisam ser mais do que meras intenções”, diz o mestre Okawa.

Outro risco da realidade que hoje nos cerca envolve os medos provocados nas pessoas pela sociedade hiperconectada. É a multiplicação dos problemas em família, são as nada fáceis relações entre pais e filhos, é o temor de perder o emprego, viajar de avião ou sofrer uma decepção amorosa. A acelerada evolução que acompanha as novas tecnologias, as mudanças constantes, a perda de referências diante do oceano de informações trazidas pelas mídias sociais deram nova dimensão aos medos. Nessa seara sem dono, todos opinam, mas ninguém oferece orientações e soluções seguras.

Estudo realizado em agosto de 2017 pela agência FCB Brasil, em parceria com os institutos de pesquisa Quantas e Coletivo Tsuru, identificou que 78% dos brasileiros têm muito medo de fracassar, 54% têm medo do julgamento dos outros e 52% têm medo de falar o que pensam. O estudo foi realizado em todas as regiões do Brasil e constatou um aumento na incidência de medos relacionados à experiência social e consumo de informação em rede: medo de fracassar, de não ser bem-sucedido como pai ou mãe, de não ser feliz ou de mudar de carreira. Para 23% dos entrevistados, enfrentar algo novo é um medo constante. Trata-se de um cenário preocupante.

Cada um de nós precisa ter a determinação e a coragem de sair desse “pântano”, de assumir o controle e dar nova dimensão e significado à própria vida. Em As Leis da Invencibilidade, o mestre Okawa diz que precisamos ser perseverantes a fim de alcançar a vitória final, sem nos apegarmos às pequenas derrotas ou vitórias. São as nossas experiências neste mundo que nos levam a desenvolver uma força inabalável. “Quando nos vemos no meio de uma sequência de fracassos, o melhor a fazer é parar de lutar para obter o sucesso. Em períodos assim, nada vai funcionar bem, não importa o que você faça. O segredo é esperar que o momento fique a seu favor. (…) Mantenha a mente em paz e simplesmente viva cada dia, um por vez. Tenha como objetivo fazer o que for possível hoje, desenvolver sua força e esperar que a hora certa chegue”. Mude seu modo de encarar a vida e acumule vitórias.

Photo by Mike Wilson on Unsplash

Do livro THINK BIG – O poder para criar o seu futuro (IRH Press do Brasil), do mestre Ryuho Okawa, fundador da Happy Science – movimento que apresenta a chave da verdadeira felicidade às pessoas de todos os países, raças e crenças, pregando a criação de um mundo de paz através da inovação espiritual, educacional e política.

Do livro As Leis da Invencibilidade - Como Desenvolver uma Mente Estratégica e Gerencial (IRH Press do Brasil), do mestre Ryuho Okawa, fundador da Happy Science – Seus mais de 2.200 livros publicados, traduzidos para 28 idiomas, já venderam mais de 100 milhões de exemplares no mundo todo.

Plante todos os dias e colha bons resultados

Plante todos os dias e colha bons resultados

Não deixemos passar um dia sem plantar algo de importante para nossas vidas. Sempre devemos aproveitar as experiências do passado, mas vamos deixar de nos preocupar com os problemas do ontem – que já não existe. Este momento, este minuto, é o mais importante de nossas vidas. O que você pensar e fizer de bom agora é o que trará felicidade. Se você plantar todos os dias, com certeza terá bons resultados. A vida passa depressa, como as águas de um rio que não voltam.

“Na vida, é importante você estar determinado a progredir e aprimorar-se constantemente”, ensina o mestre e autor japonês Ryuho Okawa em A Mente Inabalável. “Para aqueles que desejam sempre crescer, melhorar e avançar, as dificuldades da vida serão resolvidas com o tempo, como o orvalho da manhã que evapora quando nasce o sol.” Agarre-se ao divino. “Deixe que o Sol que existe em você se eleve cada vez mais. Se fizer um esforço constante para isso, sem descansar nem desistir, um amplo caminho surgirá a sua frente. O essencial na vida é criar um alicerce firme e buscar o aperfeiçoamento pessoal”, diz Okawa.

A determinação em avançar trará a estabilidade de um iceberg e forças para você se manter inabalável quando surgirem problemas, não importa qual dificuldade terá de enfrentar. Tudo o que você viver ao longo de cada dia – sejam alegrias, sejam desafios – se traduzirá em acúmulo de conhecimento. Experiências armazenadas, aprendizados em uma viagem, por meio da leitura de um bom livro, em um curso ou palestra, ajudam nas decisões e levam a ações mais acertadas. Você conseguirá compreender melhor a si mesmo e aos outros. Para entender a importância de ter conhecimento armazenado e muita experiência, imagine-se como um motorista dirigindo sob chuva, como um médico em uma cirurgia complexa, como um engenheiro ao calcular os fundamentos de um edifício, ou como uma cozinheira preparando diversos pratos para um jantar. Em qualquer situação exige-se coragem e determinação.

Esse sentimento de buscar sempre o melhor a cada minuto, evitando atitudes das quais precisemos depois nos arrepender, nos tornará mais sábios e mais fortes para enfrentar situações difíceis. E se estas sobrevierem, devem servir de trampolim para refinar nossa alma. “Na verdade, é quando você está lutando para vencer dificuldades que sua alma brilha e sua alegria se expande”, diz o mestre Okawa. A vida é cheia de más colheitas e contratempos. Não devemos esperar apenas bons resultados. Mas, nunca deixemos de tentar. Diante de inevitáveis sofrimentos, sejamos como o agricultor que todos os anos elimina espinhos e ervas daninhas para preparar o plantio de suas sementes selecionadas. Ele faz a sua parte.

Por fim, ao buscar o progresso e o aprimoramento, não podemos descuidar da construção da nossa felicidade e da felicidade dos que caminham conosco. “Precisamos sempre olhar para nossa vida por uma perspectiva espiritual”, afirma Ryuho Okawa em O Milagre da Meditação, recém-lançado no Brasil. “O Mundo espiritual existe; é uma verdade imutável”. Essa consciência é que dará sentido a tudo o que fizermos em cada dia do ano.

Photo by Ahmed Saffu on Unsplash

Do livro O Milagre da Meditação(IRH Press do Brasil), do mestre Ryuho Okawa, fundador da Happy Science – movimento que apresenta a chave da verdadeira felicidade às pessoas de todos os países, raças e crenças, pregando a criação de um mundo de paz através da inovação espiritual, educacional e política.

Do livro A Mente Inabalável - Como Superar as Dificuldades da Vida (IRH Press do Brasil), do mestre Ryuho Okawa, fundador da Happy Science – movimento que apresenta a chave da verdadeira felicidade às pessoas de todos os países, raças e crenças, pregando a criação de um mundo de paz através da inovação espiritual, educacional e política.

Leia muito. O conhecimento transforma

Leia muito. O conhecimento transforma

A leitura é ferramenta essencial na aprendizagem e para o desenvolvimento do cérebro. Ela faz pensar. Intelectuais, autores e educadores ao longo da história falaram de sua importância – como Francis Bacon (“A leitura faz o homem completo; a conversa, ágil; e o escrever, preciso”); Miguel de Cervantes (“Aquele que lê muito e anda muito, vê muito e sabe muito”); Mário Vargas Llosa (“Um público comprometido com a leitura é crítico, rebelde, inquieto, pouco manipulável e não crê em lemas que alguns fazem passar por ideias”); e muitos, muitos outros.

O nosso inesquecível Paulo Freire, autor de A importância do ato de ler, afirma que “é preciso que a leitura seja um ato de amor”. E o autor japonês Ryuho Okawa, ao comentar em um de seus livros (Ame, Nutra e Perdoe) o tipo de educação que os pais podem oferecer aos filhos, enfatiza a importância de “ensiná-los sobre o espírito que existe por trás de cada treinamento, ou seja, a importância da atitude de procurar superar as próprias limitações e se tornar um ser humano magnífico”. É o conhecimento que transforma.

Ao observar o ambiente em que crescem hoje as crianças, percebe-se o desafio que é para os pais e professores desenvolver nelas o hábito da leitura. A multiplicidade de opções de entretenimento tende a afastar as crianças dos livros. O desenvolvimento nelas do interesse por boas histórias infantis deve vir junto com a alfabetização e ser permanentemente estimulado. É essencial que esse hábito seja cultivado em casa, sob orientação dos pais, como alternativa ao tempo dedicado à televisão e ao celular – dois canais em que a criança mergulha antes mesmo de ser alfabetizada.

Na passagem do ensino fundamental para o ensino médio, é essencial que o mestre seja um guia seguro no pleno despertar para o mundo da literatura nacional e estrangeira, esta atrelada ao domínio de outras línguas. Para a formação de cidadãos completos, com conhecimento capaz de transformar o mundo e o próprio país, é também essencial que o estudante saiba aliar a leitura de temas técnicos e científicos de seu interesse ao conhecimento da história e geografia, de correntes sociológicas e filosóficas passadas e contemporâneas, sem ignorar outros gêneros, como romances, obras de ficção, suspense e autoajuda. Imagine como o Brasil seria diferente se todos os estudantes cultivassem o hábito da leitura. Mais e mais pessoas com conhecimento transformador surgiriam e não haveria a carência de lideranças que existe hoje. É necessário que o hábito da leitura seja cultivado em todos os lugares e estratos sociais.

Por último, também deve ser estimulado entre nossos estudantes o hábito de acompanhar o noticiário nacional e internacional, através da leitura crítica de jornais e revistas e de publicações nas mídias sociais. Muitas mentiras (chamadas de fake news) são publicadas hoje em meio ao noticiário sobre política, economia, meio ambiente, conflitos, globalização, minorias etc. É preciso haver uma alfabetização midiática (media literacy), desenvolvendo o senso crítico diante dos acontecimentos, das correntes de pensamento e dos problemas sociais e mundiais. Esse senso crítico, aliado ao domínio da língua, também será fundamental na hora de escrever um texto ou fazer uma redação.

Um recadinho final: o hábito da leitura deve nos acompanhar ao longo de toda a vida, em qualquer profissão, em qualquer situação, em qualquer idade. Que lê muito sabe mais. A leitura alimenta o cérebro e a alma. Em seu livro Think BIG, Ryuho Okawa fala sobre a importância de se evitar livros destrutivos e artigos decadentes. Afinal, as sementes de pensamentos plantadas no coração determinam o futuro.

Photo by Alfons Morales on Unsplash

Do livro Ame, Nutra e Perdoe - Um Guia Capaz de Iluminar sua Vida (IRH Press do Brasil), do mestre Ryuho Okawa, fundador da Happy Science – movimento que apresenta a chave da verdadeira felicidade às pessoas de todos os países, raças e crenças, pregando a criação de um mundo de paz através da inovação espiritual, educacional e política.

Do livro THINK BIG – O poder para criar o seu futuro (IRH Press do Brasil), do mestre Ryuho Okawa, fundador da Happy Science – movimento que apresenta a chave da verdadeira felicidade às pessoas de todos os países, raças e crenças, pregando a criação de um mundo de paz através da inovação espiritual, educacional e política.

Em 2018, coloque paz no seu coração

Em 2018, coloque paz no seu coração

Ano Novo. Que seja de conquistas para cada um de nós e para o Brasil. Afinal, como país, temos muitos motivos para estar otimistas – a economia está dando sinais de retomada, o desemprego está caindo, a inflação permanece baixa, nossa seleção está bem cotada para ganhar a Copa do Mundo na Rússia e em outubro vamos eleger um novo presidente, novos governadores, senadores e deputados. Não é pouca coisa. E para você? Também será um ano transformador se souber cuidar de si mesmo, aprendendo a viver em paz e colocando sentimentos positivos dentro do coração.

Vamos deixar o passado no lugar dele e viver o presente, com um olho no futuro, sempre com muita serenidade. Sabemos o quanto foi difícil e estressante o ano que passou, mas, como diz o ditado, ‘não adianta chorar sobre o leite derramado’. É importante se desfazer desses sentimentos ruins e rancorosos em relação ao que passou e começar de novo, com fé, energia e a disposição de um professor em seu primeiro dia de aula. Estamos precisando disso.

Em seu último livro lançado em português pelo selo IRH Press do Brasil, O Milagre da Meditação, o autor e mestre japonês Ryuho Okawa nos estimula a “treinar nossa mente para poder libertá-la dos pensamentos que provocam desarmonia”. Na obra, ele ensina os segredos da meditação e sua importância para alcançar a paz interior, desde que olhemos nossa vida de uma perspectiva espiritual, “acreditando na existência do divino”.

“Somos aquilo que pensamos”, diz Okawa. É com essa convicção que devemos iniciar 2018, acreditando em nosso potencial de transformação pessoal – inovar nossa própria vida e a realidade que nos cerca. Acredite. Seja diferente. Evite pensamentos negativos. Você e ninguém mais é o autor da história de sua vida e o construtor da própria felicidade. Essa força interior o ajudará a encontrar caminhos alternativos e soluções mesmo nos momentos de dificuldades e perdas. Infelizmente, “a maioria das pessoas segue pela vida sem ter ideia do que ocorre em sua mente e do que ela é capaz de conseguir”.

No corre-corre diário, no trabalho ou junto à família, devemos cultivar “pensamentos de paz interior”. Pessoas que conseguem manter a serenidade do coração têm mais facilidade de manter o equilíbrio diante das exigências do mundo moderno, onde todos nos cobram atenção, eficiência e resultados.

Às vezes, temos a impressão de que nunca conseguimos concluir uma tarefa e de que estamos sempre correndo atrás. Esse permanente estado de insatisfação, quando levado ao extremo, pode nos deixar angustiados, sem paciência, e muitas vezes deprimidos, descontrolados e até violentos. Isso pode acontecer no trabalho, em casa, em um relacionamento amoroso, pode afetar jovens, adultos, até crianças, pais, mães, executivos, gerentes ou funcionários.

Caso você se sinta nessa situação, comece 2018 tentando mudar. É bom alimentar sonhos para o futuro, mas não adianta fazer promessas de correr atrás de conquistas materiais se você não estiver em paz com você mesmo, com você mesma. E tudo pode começar com pequenas atitudes. Por exemplo, “a técnica de respirar calmamente é um método muito eficaz para criar uma energia de pensamento serena”, evitando explosões de raiva e respostas intempestivas diante de agressões e ofensas. Inspirar e expirar de forma ritmada tem um efeito relaxante sobre os músculos do corpo todo, reconduzindo nossa mente a um estado de calma e serenidade.

Essa serenidade, cultivada e renovada todos os dias, transformará sua vida. Com pensamentos e o coração em paz, você se tornará mais paciente, perspicaz e ganhará o respeito de todos como uma pessoa sensata. Um dos caminhos para essa transformação é a meditação. “Ela nos liberta de pensamentos negativos, consegue a elevação de nossa consciência, leva à união com o divino e nos faz vivenciar a felicidade da paz interior”, diz o mestre Okawa.

Pacificar nossa própria vida nos fará ver o mundo com outros olhos e nos deixará mais preparados para grandes conquistas. Tente. Você pode ter um ano muito mais feliz do que imagina.

Photo by Simon Migaj on Unsplash

Do livro O Milagre da Meditação(IRH Press do Brasil), do mestre Ryuho Okawa, fundador da Happy Science – movimento que apresenta a chave da verdadeira felicidade às pessoas de todos os países, raças e crenças, pregando a criação de um mundo de paz através da inovação espiritual, educacional e política.

Férias: tempo de repor as energias

Férias: tempo de repor as energias

É tempo de férias para quase todos os estudantes e boa parte dos trabalhadores. Tempo de parar para um merecido descanso depois do ano conturbado que atravessamos – com problemas pessoais se avolumando em decorrência dos problemas do país. Depois da virada do ano, nossa expectativa de que 2018 ofereça melhores condições para realização de planos e concretização de sonhos é enorme. Essa pausa, por menor que seja, é extremamente importante para repor energias para o corpo e para colocar nossa cabeça e nossa vida em ordem.

Mais do que usufruir de um direito adquirido, tirar férias é fundamental para a construção de uma vida equilibrada e feliz. Mas esse período de férias não deve ser confundido com ociosidade, indolência e moleza. Já diziam nossos pais e avós que ‘cabeça vazia é morada do diabo’. Hoje, já se fala em ócio criativo, no sentido de um trabalho mental diferente do usual ou de uma ocupação suave e agradável. Assim devem ser nossas férias, um tempo de lazer, de descanso, de novos aprendizados.

Mesmo entre os executivos já está ficando para trás aquela ideia de que nunca deveriam parar, de que sua ausência em cadeias de comando poderia comprometer os resultados das empresas. O desligamento temporário, mas total, do dia a dia da empresa leva, no retorno, a um entusiasmo renovado e ao aumento da produtividade. Estão se tornando comuns nos endereços eletrônicos respostas automáticas do tipo: “Estarei de férias até 20 de janeiro e sem verificar as mensagens”.

O grande escritor e líder espiritual japonês Ryuho Okawa tem em “Trabalho e Amor“, um de seus mais de dois mil livros publicados, um capítulo inteiro dedicado ao efeito benéfico que as férias podem ter. “A felicidade humana requer algo mais além de esforço e autoaprimoramento. Há as pequenas felicidades, as alegrias serenas que não têm nada a ver com dinamismo e esforço. É algo que brilha sobre a humanidade há milhares, dezenas de milhares de anos de eterna verdade. As pessoas precisam de um tempo para se recuperar, restaurar as energias, relaxar e renovar-se”.

Okawa faz uma comparação muito apropriada das férias com o comportamento do leão, o rei dos animais. “Quando um leão sai atrás de uma presa, põe todo o seu empenho nessa tarefa. Sabe que não pode se dar ao luxo de falhar e, então, usa cada gota de sua energia para caçar a presa e abatê-la com um poderoso golpe. No entanto, depois de devorá-la, ele deita à sombra de uma árvore, ou ao sol, e tira uma boa soneca, satisfeito. Nessa hora, não importa se uma presa atraente passa por perto; ele não mexerá um músculo, continuará na sua sesta da tarde”. O estilo de vida do leão lembra uma mola, que “não deve ficar totalmente estendida sempre, nem sempre totalmente comprimida”.

O autor prega a ideia de que a vida é uma repetição desse ciclo que oscila entre esforço e relaxamento. “Há certas épocas no decorrer de um ano em que as coisas ficam mais difíceis e você, como uma mola, precisa de um período de lazer para recuperar sua força física e mental, a fim de ser capaz de superar as dificuldades.”

Esses conceitos não se aplicam apenas aos empresários e executivos, aos funcionários de um escritório, aos trabalhadores de uma fábrica, aos estudantes e professores. Devem também, na medida do possível, ser absorvidos pela família como um todo. A parada de final/começo de ano é um tempo precioso para “estar juntos”, para ampliar o diálogo entre marido e mulher, entre pais e filhos, para matar a saudade de amigos – seja por meio de uma viagem ou de um bom passeio de final de semana.

Sendo assim, procure encarar as férias de forma positiva. É um período precioso para ampliar nossa compreensão de que a convivência familiar e o lazer são também fundamentais para a construção de uma vida feliz e sadia. Boas férias!

Photo by Ishan @seefromthesky on Unsplash

Do livro Trabalho e Amor - Como Construir Uma Carreira Brilhante (IRH Press do Brasil), do mestre Ryuho Okawa, fundador da Happy Science – movimento que apresenta a chave da verdadeira felicidade às pessoas de todos os países, raças e crenças, pregando a criação de um mundo de paz através da inovação espiritual, educacional e política.

Pin It on Pinterest